Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Marek Cech avalia reforço do Benfica: "É forte a furar defesas"

Logótipo de O Jogo O Jogo 06/07/2017 João Cardoso

© Fabio Poco

Rápido a convencer o Benfica a avançar para a sua contratação, tal foi a boa impressão causada entre os responsáveis do gabinete de scouting das águias, Martin Chrien foi uma das estrelas da seleção de sub-21 da Eslováquia no recente Europeu da categoria. Chegando à Luz praticamente como um desconhecido, até pelo seu percurso discreto desde que chegou, em 2014, ao Viktoria Plzen, da República Checa, onde nunca se afirmou - passou por três empréstimos consecutivos -, Chrien merece, porém, o aval de Marek Cech, internacional eslovaco que passou por FC Porto e Boavista.

"É um médio muito forte a romper e a furar as defesas. Entra bem na área contrária, é um médio com golo", sublinha a O JOGO.

Nas primeiras palavras como jogador do Benfica, Martin Chrien apresentou-se como um "camisola 8, um médio box-to-box", visão que também Cech partilha, ainda que admita até a possibilidade de o ex-Plzen desempenhar outro tipo de funções, precisamente pela sua qualidade dentro da área dos adversários.

"Pode jogar a 8, tem grandes capacidades para isso, mas pela sua capacidade de desequilibrar em zonas ofensivas, pode até jogar mais à frente", afirma, referindo que Rui Vitória terá à sua disposição um futebolista também com grande potencial tático.

"Tal como todos os futebolistas eslovacos, é um jogador com cultura tática e muita disciplina em campo", assegura, qualidades que, a par do poderio físico, levaram também o Viktoria Plzen a avançar para a sua contratação em 2014, quando Chrien, com apenas 18 anos, se afirmou como revelação da liga eslovaca, ao serviço do Dukla Bistrica.

Apesar de ter somado apenas 25 minutos em 2016/17 ao serviço do segundo classificado da liga checa, ao qual regressou em janeiro após empréstimo ao Ruzomberok, da Eslováquia, Chrien é, para Marek Cech, "um miúdo com muito futuro". "Tal como sucede praticamente com toda a equipa de sub-21, que fez um excelente Europeu, penso que Chrien vai ter um grande futuro e tornar-se um jogador de topo", vaticina, ele que, apesar de confessar ter "evitado ver jogos do Benfica", uma vez que continua "a sofrer pelo FC Porto", considera que o reforço encarnado "é um jogador que pode encaixar bem no esquema" de Rui Vitória. "É um médio-ofensivo de qualidade, que trabalha muito e sabe defender. É um grande talento e tem muito para evoluir. É um jogador que fará parte do futuro do Benfica", atira.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon