Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Merkel contra uma "solução militar" na crise com a Coreia do Norte

Logótipo de O Jogo O Jogo 11/08/2017 Administrator

A chanceler alemã, Angela Merkel, opôs-se hoje a uma qualquer "solução militar" na crise com a Coreia do Norte e advertiu para as consequências negativas da atual escalada da retórica entre Pyongyang e os Estados Unidos.

"Não vejo uma solução militar para este conflito. (...) A Alemanha vai participar de maneira intensa nas possíveis soluções não-militares, mas considero que a escalada verbal é uma resposta errada", disse Merkel, em declarações à imprensa em Berlim.

Estas declarações da líder alemã surgem perante a escalada da retórica entre Washington e Pyongyang verificada nos últimos dias.

Na terça-feira, o Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, ameaçou o regime da Coreia do Norte com "fogo e fúria nunca vistos" se o regime liderado por Kim Jong-un persistir nas ameaças contra os norte-americanos.

A Coreia do Norte disse estar a preparar planos para atacar a base norte-americana na ilha de Guam, no Pacífico, a 3.430 quilómetros a sudeste do território norte-coreano.

Trump voltou hoje a ameaçar a Coreia do Norte e disse que a opção militar está pronta para ser acionada.

"As soluções militares estão plenamente operacionais, preparadas e armadas, para o caso de a Coreia do Norte se comportar imprudentemente. Espero que Kim Jong-un opte por outro caminho", escreveu o Presidente norte-americano na sua conta na rede social Twitter.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon