Ao utilizar este serviço e o conteúdo relacionado, concorda com a utilização de cookies para análise, anúncios e conteúdos personalizados.
Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Michael Schumacher saiu do coma - porta-voz

Logótipo de LusaLusa 16/06/2014 João Pedro Simões

Grenoble, França, 16 jun (Lusa) – O antigo piloto de Fórmula 1 Michael Schumacher saiu do coma e abandonou o hospital francês de Grenoble, onde recebia tratamento desde dezembro de 2013, quando sofreu um acidente de esqui, disse hoje a porta-voz do alemão.

“O Michael deixou o CHU Grenoble para continuar a sua longa fase de reabilitação. Ele já não está em coma”, afirmou Sabine Kehm, em comunicado.

DIEGO AZUBEL/EPA © @ EPA / DIEGO AZUBEL DIEGO AZUBEL/EPA

O alemão, sete vezes campeão do Mundo de Fórmula 1, de 45 anos, estava internado num hospital de Grenoble depois do acidente sofrido a 29 de dezembro de 2013, quando esquiava numa estância de Meribel, nos Alpes franceses, em consequência do qual bateu com a cabeça numa pedra.

Na altura, Schumacher foi submetido a duas intervenções cirúrgicas e colocado em coma induzido. Em finais de janeiro, os médicos iniciaram o processo de despertar o alemão.

JP // NF

AdChoices
AdChoices
image beaconimage beaconimage beacon