Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Migrantes: Itália retém barco de ONG que não assinou código de conduta

Logótipo de O Jogo O Jogo 02/08/2017 Administrator

O barco Iuventa, da organização não-governamental alemã Jugend Rettet, que não assinou o código de conduta destinado a regular o resgate de migrantes no Mediterrâneo central, foi hoje retido e revistado pelas autoridades italianas.

A embarcação foi intercetada esta madrugada em frente à ilha de Lampedusa, situada a sul da Sicília e a norte da Líbia, pela guarda costeira italiana, que a encaminhou para o porto da ilha, onde foi submetida a uma série de verificações, no âmbito de um inquérito iniciado em outubro de 2016.

De acordo com o programa de radar marítimo Marine Traffic, o barco encontra-se ainda atracado no porto de Lampedusa.

A organização humanitária que salva migrantes no Mediterrâneo informou na sua conta da rede social Twitter que a embarcação "não foi apreendida e a tripulação não está detida", explicando que o que aconteceu não passou de uma operação de rotina.

A ONG indicou também não ter "recebido informação de uma investigação" sobre a sua atuação e que as autoridades lhe asseguraram tratar-se de um "procedimento habitual", depois de diversos órgãos de comunicação terem noticiado que foi o ministério público de Trapani (Sicília) que pediu que o barco fosse retido.

Esta organização alemã é uma das que não assinaram o código de conduta proposto por Itália e apoiado pela União Europeia para regular as operações de resgate de migrantes, juntamente com as de outras organizações, como Médicos Sem Fronteiras, Sea Watch e SOS Méditerranée.

Entre outras medidas, o código proíbe as organizações humanitárias de entrarem em águas territoriais da Líbia, fazerem-se detetar por radar ou emitirem sinais luminosos que denunciem a sua posição aos traficantes de migrantes em terra.

Nos termos do código, os organismos que atuam no Mediterrâneo deverão também indicar quais são as suas fontes de financiamento, demonstrar a sua formação em resgates, permitir o acesso temporário aos barcos a uma autoridade armada e não transferir os migrantes resgatados para outras embarcações, mas apenas transportá-los para terra firme.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon