Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Militar da GNR de Albufeira julgado por quatro crimes de peculato

Logótipo de O Jogo O Jogo 16/10/2017 Administrator

Um militar do destacamento de trânsito da GNR de Albufeira, suspeito de ter cometido quatro crimes de peculato, vai ser julgado por um tribunal coletivo, informou hoje a procuradoria da comarca de Faro.

Em comunicado, o Ministério Público de Faro adiantou que o arguido, enquanto exercia funções no destacamento de trânsito de Albufeira da GNR, "apropriou-se de quantias que lhe eram entregues para pagamento de coimas por condutores que fiscalizava".

Segundo a acusação, "indicia-se que, para ocultar tal comportamento, o arguido ficava para si com os originais e duplicados de autos de contraordenação que levantava".

Não adiantado o período durante o qual terão sido cometidos os crimes, a mesma fonte refere apenas que a investigação foi dirigida pela secção de Portimão do Departamento de Investigação e Ação Penal (DIAP) de Faro, coadjuvado pela Polícia Judiciária de Portimão.

Em novembro último, o Ministério Público de Faro deduziu acusação a outro militar da GNR, do comando de Faro, que ficava igualmente com o dinheiro de diversos condutores que pagavam voluntariamente coimas, após terem cometido infrações rodoviárias.

Neste caso, foi o próprio comando a denunciar os alegados crimes, que terão ocorrido na zona de Faro.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon