Ao utilizar este serviço e o conteúdo relacionado, concorda com a utilização de cookies para análise, anúncios e conteúdos personalizados.
Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Mino Raiola fala em "ameaças de morte" do Milan a Donnarumma

Logótipo de O Jogo O Jogo 18/06/2017 Alcides Freire

Revelação feita pelo agente do guarda-redes às estações televisivas italianas.

Revelações bombásticas do agente Mino Raiola em Itália: Donnarumma terá recebido diversas ameaças do Milan, depois de ter decidido não renovar o contrato que o liga ao emblema "rossonero".

© REUTERS/Stefano Rellandini

De acordo com o portal Football Italia, o conhecido empresário reuniu-se com jornalistas da Rai Sport, da Mediaset e da Sky Italia para explicar a situação do guarda-redes em San Siro, numa altura em que a sua saída é tida como dado adquirido.

"A situação tornou-se violenta e hostil, portanto não há volta a dar. Tomámos uma decisão que não queríamos tomar. Fomos ameaçados. A família do Donnarumma foi ameaçada, disseram-lhe que ele não jogaria mais e até recebeu ameaças de morte. Não podes manter um jogador ameaçando-o", afirmou, garantindo que a decisão de não renovar contrato prendeu-se com o "ambiente criado em redor" do jovem guarda-redes:

"Ele estava pronto para assinar um novo contrato. Forçaram-nos a abortar as negociações por causa do ambiente criado em redor dele [Donnarumma]", rematou.

O Milan deve reagir às declarações de Raiola na segunda-feira, através do diretor executivo Marco Fassone, ainda segundo o Football Italia.

O melhor do MSN em qualquer dispositivo


AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon