Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Miranda do Douro investe meio milhão de euros em acesso ao IC5,junto a Sendim

Logótipo de O Jogo O Jogo 11/10/2017 Administrator

O município de Miranda do Douro vai investir cerca de meio milhão de euros na requalificação do principal ponto do acesso do sul do concelho ao Itinerário Complementar (IC5), disse hoje à Lusa fonte da autarquia.

"Trata-se de um obra que vai resolver os problemas de ligação rodoviária na parte sul do concelho de Miranda do Douro para quem pretenda deslocar-se para a Autoestrada Transmontana via IC5, e de uma vez por todas acabar com estrangulamento do trânsito, principalmente de pesados, que se dirijam para Sendim ou Palaçoulo", explicou o presidente da Câmara de Miranda do Douro, Artur Nunes.

Estas duas localidades, com incidências em Palaçoulo, que é a aldeia mais industrializada do distrito de Bragança padeciam da falta de acessos para o escoamento dos seu produtos, nomeadamente vinho, cutelarias, pipos e barricas, entre outros produtos agropecuários que são a base da economia local "e com proveitos regionais".

"Esta é uma obra de referência que vai marcar a centralidade de Sendim, enquanto vila, e Palaçoulo, enquanto aldeia com uma forte componente industrial no território", frisou o autarca.

No campo do turismo, esta nova ligação vai ajudar a fomentar a futura via pedonal que vai ocupar o antigo canal ferroviário da linha do Sabor e vai nascer a poucos dezenas de metros deste local.

"A ciclovia do Sabor já está adjudicada e vai criar um novo polo dinamizador do turismo no concelho. Com esta nova ligação, permite-nos uma maior fluidez de trânsito para chegar ao sul do concelho, para todos o que venham do litoral norte", indicou.

As obras do novo nó de ligação estão no terreno, sendo comparticipada por fundos comunitários.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon