Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Mortes por Sida diminuem no primeiro semestre na província angolana do Uíge

Logótipo de O Jogo O Jogo 31/07/2017 Administrator

O número de mortes por VIH/sida baixou na província angolana do Uíge no primeiro semestre deste ano para 34, contra os 45 registados no mesmo período de 2016, informaram hoje as autoridades sanitárias locais.

Contudo, segundo o supervisor provincial do Programa de Luta contra o VIH/sida no Uíge, Benjamim Nkambani, foram testadas 38.166 pessoas no período em referência, das quais 689 tiveram resultados positivos, um aumento de mais 124 casos relativamente ao primeiro semestre de 2016.

O responsável, citado pela agência noticiosa angolana, Angop, referiu que entre os novos infetados, 64 foram diagnosticados com tuberculose.

Benjamim Nkambai disse que foram igualmente testadas 12.620 mulheres grávidas, tendo 113 sido diagnosticadas com a doença, das quais 92 recebem assistência da direção provincial do Programa de Luta contra a SIDA.

Nas ações de implementação do programa, foram distribuídos no primeiro semestre 597 mil preservativos e realizadas atividades de supervisão em cinco dos 16 municípios da província.

De acordo com dados da Rede Angolana da Sociedade de Serviços de Sida (ANASO), em Angola o HIV/SIDA afetou já cerca de meio milhão de pessoas, com uma taxa de prevalência de 2,1% para um universo de 26 milhões de pessoas, sendo que apenas 215 mil estão a ser acompanhadas.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon