Ao utilizar este serviço e o conteúdo relacionado, concorda com a utilização de cookies para análise, anúncios e conteúdos personalizados.
Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Mourinho explica a razão pela qual não avançou por Ronaldo

Logótipo de O Jogo O Jogo 16/07/2017 Hugo M. Monteiro

Craque português foi apontado ao Manchester United antes de confirmar a continuidade no Real Madrid.

Quando surgiram rumores de um eventual descontentamento de Cristiano Ronaldo no Real Madrid, o craque português foi quase automaticamente associado a um regresso a Old Trafford, clube onde passou seis épocas antes de se mudar para o Santiago Bernabéu.

No entanto, Ronaldo já garantiu que vai continuar a vestir a camisola "merengue" durante as próximas temporadas, colocando um ponto final a uma novela que prometia arrastar-se durante todo o verão.

© Reuters / Carl Recine Livepic

Depois de assentada a poeira, José Mourinho procurou explicar as razões pelas quais os "red devils" optaram por não avançar com uma proposta por Ronaldo.

"Não tentamos contratar Ronaldo em momento algum. Nunca pensamos nisso porque é um jogador demasiado importante num clube com grande poderio económico. Não tínhamos razões para acreditar que queria sair e não gosto que o clube perca tempo com missões impossíveis. Por isso, nunca avançámos por ele", afirmou, em declarações aos jornalistas durante o estágio de pré-época do Manchester United.

Quanto a outras possíveis contratações, o treinador português não fecha a porta a Alvaro Morata. "Se Morata pode acabar no Manchester United? Isso é uma pergunta para Florentino Pérez e não para nós. O Real Madrid decide o preço e não chegamos a acordo. Tenho muita pena porque é um jogador que chegou comigo, estreou-se comigo e gostei muito da sua evolução. Mas será muito difícil", rematou.

O melhor do MSN em qualquer dispositivo


AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon