Ao utilizar este serviço e o conteúdo relacionado, concorda com a utilização de cookies para análise, anúncios e conteúdos personalizados.
Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Mourinho não gostou do nulo com o West Bromwich e deixou recado a quatro jogadores

Logótipo de O Jogo O Jogo 02/04/2017 Alcides Freire
© REUTERS/Lee Smith

Treinador do Manchester United mostrou-se insatisfeito com as exibições de alguns dos titulares no jogo com o West Bromwich.

O Manchester United tem demonstrado algumas dificuldades para estabelecer um registo regular de vitórias na Premier League e, no sábado, voltou a ceder pontos, desta feita na receção ao West Bromwich, com um empate a zero.

No final do encontro, José Mourinho, visivelmente insatisfeito, não poupou nas críticas a quatro jogadores, nomeando os sete que, a seu ver, apresentaram um desempenho satisfatório na partida da 30ª jornada da Liga.

"Em alguns clubes, o talento é bem-vindo, mesmo que não tenhas uma equipa consistente. Em clubes como este, há que ser consistente para ganhar títulos. Nos 90 minutos disputados hoje [sábado], Valencia, Rojo, Bailly, Ashley Young, Fellaini e Carrick foram consistentes. Os outros não", atirou, deixando de fora De Gea, mas sem estender as críticas ao guarda-redes, de seguida:

"Viu-se um desperdício de talento. Quase marcamos, mas precisamos de matar o nosso adversário. Podem ver quantos golos levam Rashford, Lingard, Mkhitaryan e Martial. Zlatan e Mata são os jogadores com mais golos marcados. Se não fosse por eles, a nossa situação estaria bem complicada. Foi um dejá vu de toda a temporada. Temos momentos em que pressionamos, mas depois um par de jogadores desaparece durante 10 minutos. São sempre os mesmos a puxar pela equipa, e isso é dececionante", completou o português.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon