Ao utilizar este serviço e o conteúdo relacionado, concorda com a utilização de cookies para análise, anúncios e conteúdos personalizados.
Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Muindal2014: Brasil espalhou 30 mil soldados nas fronteiras com os 10 vizinhos

Logótipo de LusaLusa 10/05/2014 Antonio Barroso

Redação, 10 mai (Lusa) - O Brasil dispôs hoje cerca de 30 mil soldados ao longo das suas fronteiras, como medida de segurança integrada na preparação do Mundial de futebol, que começa dia 12 de junho, anunciou hoje o governo brasileiro.

A operação envolve tropas da infantaria, marinha e força aérea, que cobrem uma extensão de quase 17 mil quilómetros de fronteira com 10 países vizinhos: Argentina, Bolívia, Colômbia, Guiana, Paraguai, Peru, Suriname, Uruguai, Venezuela e Guiana Francesa.

“É uma mobilização ímpar, levada a cabo pelo Estado, no sentido de travar as atividades ilegais do norte ao sul do país”, refere uma nota do Governo brasileiro.

Uma operação idêntica teve lugar no ano passado, aquando da organização da Taça das Confederações, considerada um teste para o Mundial2014, que acontecerá em 12 cidades.

Tráfico de armas e de estupefacientes são os principais alvos da operação, assim como a emigração ilegal, mas os militares também ajudarão na chegada de apoio médico e alimentar a comunidades mais necessitadas.

O Campeonato do Mundo disputa-se entre 12 de junho e 13 de julho, sendo esperados cerca de 600 mil visitantes durante esse período.

AAB // PFO

AdChoices
AdChoices
image beaconimage beaconimage beacon