Ao utilizar este serviço e o conteúdo relacionado, concorda com a utilização de cookies para análise, anúncios e conteúdos personalizados.
Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Mundial2014: Não é por jogar pouco que se desaprende – Nani

Logótipo de LusaLusa 03/06/2014 Nuno Ortega

New Jersey, Estados Unidos, 03 jun (Lusa) - O futebolista da seleção portuguesa Nani garantiu hoje que pode estar no seu melhor no Mundial2014, apesar de ter jogado pouco ao longo da temporada no Manchester United, afiançando que não desaprendeu.

"É lógico que não joguei muitos jogos, mas não é por jogar alguns jogos que se deixa de saber fazer o que se melhor sabe e que não vai ter condições para mostrar as suas qualidades. Sinto-me bem, tenho-me preparado bem e espero estar à altura para ajudar a equipa a atingir os seus objetivos", afirmou.

Na conferência de imprensa antes do primeiro treino do estágio em New Jersey, nos Estados Unidos, disse que o facto de ter poucos jogos pode favorece-lo e, se assim for, quem sai mais beneficiado é a "equipas das quinas".

"Se eu estiver dentro do campo em boas condições e der o meu melhor, quem sai beneficiado é a nossa equipa", afirmou.

Nani relembrou que falhou o Mundial2010, devido a lesão, mas garante estar agora "em plenas condições" e que mesmo que "tivesse jogado muitos jogos, seria sempre um desafio único" estar numa competição como esta.

"É uma situação complicada [estar lesionado antes de uma fase final]. Acredito que o problema do Cristiano não seja muito preocupante. Quando o jogador não se sente nas melhores condições físicas para participar numa competição como esta cria alguma confusão na nossa cabeça, insegurança, mas temos pensar positivo. Ele tem tempo ainda para descansar e recuperar", assegurou.

Nani espera que Cristiano “esteja em condições para participar e ajudar a equipa, mas se por alguma razão não estiver presente, os outros jogadores que têm jogado já demonstraram que são jogadores de mais-valia”.

"O Cristiano está bem, tranquilo, sabe que tem tempo para recuperar. Pelo que tenho visto, as coisas estão a evoluir e está no bom caminho", afirmou.

De acordo com o extremo, "as pequenas mazelas de alguns jogadores não se têm sentido no grupo" e que "os próprios jogadores estão alegres, divertidos, confiantes".

"Temos trabalhado bem, o treinador está satisfeito e isso é o mais importante. Pode ser o início de uma boa campanha, em que todos esperam que Portugal possa dar muitas alegrias", concluiu.

Portugal começou hoje a segunda fase do estágio para o Mundial2014 de futebol, nos Estados Unidos, onde tem dois particulares marcados, com o México, a 06 de junho, em Boston, e com a República da Irlanda, a 10, em New Jersey.

JOSÉ SENA GOULÃO/LUSA © @ LUSA / JOSÉ SENA GOULÃO JOSÉ SENA GOULÃO/LUSA

No Mundial2014, Portugal, que está integrado no Grupo G, vai defrontar a Alemanha (16 de junho), os Estados Unidos (22) e o Gana (26).

NFO // NF

AdChoices
AdChoices
image beaconimage beaconimage beacon