Ao utilizar este serviço e o conteúdo relacionado, concorda com a utilização de cookies para análise, anúncios e conteúdos personalizados.
Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Mundial'2018: Seleção disputa a qualificação frente na Eslovénia

Logótipo de O Jogo O Jogo 22/05/2017 Hugo M. Monteiro

A Seleção portuguesa de voleibol disputa de quarta-feira a domingo, em Ljubljana, com a anfitriã Eslovénia, Bélgica, Israel, Geórgia e Letónia, o apuramento para o Mundial'2018, com a ambição de assegurar um dos dois primeiros lugares do grupo.

O selecionador nacional Hugo Silva está consciente das dificuldades que irá encontrar, mas aponta a fasquia aos dois primeiros lugares do grupo C, que conferem o apuramento direto, ao alcance do vencedor, e a presença na terceira fase de qualificação, para o segundo posicionado.

"Vamos ver que resposta é que estes jogadores dão numa competição exigente com cinco jogos seguidos e o trabalho que fizeram nos clubes e em que condições físicas se encontram", referiu o selecionador Hugo Silva, que só na última semana é que contou com o grupo todo para atacar a qualificação.

© Ivan Del Val/Global Imagens

Benfica e Sporting de Espinho arrastaram até ao quinto jogo a decisão do título nacional, que pendeu para os encarnados, pelo que Ivo Casas e Tiago Violas, dos campeões nacionais, e João Simão e Marco Ferreira, dos tigres, só na semana passada é que se juntaram ao grupo de trabalho.

Além deste quarteto, também Afonso Guerreiro, da Fonte do Bastardo, e Alexandre Ferreira, dos italianos do Verona, integraram a preparação mais tarde, falhando o início do estágio e os primeiros jogos de preparação com a Estónia, em Vila Verde.

Frente à Estónia, seleção que está apurada para a fase final do Europeu'2017, e ainda sem o grupo todo reunido sob as ordens de Hugo Silva, a seleção portuguesa perdeu os três jogos disputados por 3-1, 3-0 e 3-2.

"Obviamente, não foi o estágio ideal. Com os referidos jogadores e com mais duas ou três semanas de preparação seria o ideal para encararmos as competições que se avizinham e que são de extrema importância para nós [qualificação para o Mundial'2018 e Liga Mundial'2017], mas foi o possível", referiu.

Concluída a primeira fase do estágio, em solo português, a seleção rumou à Eslovénia, já com o grupo todo, para realizar a segunda parte do estágio e afinar a máquina para disputar a qualificação.

"O balanço, em função da juventude que tínhamos nestas duas semanas, é positivo porque esses jovens acabaram por ter um volume de trabalho que habitualmente não têm", referiu Hugo Costa, acrescentando que a ausência de alguns jogadores ainda envolvidos nas competições permitiu aos mais novos "treinar bem e evoluir".

Pelo que o selecionador nacional apresentou nos últimos jogos de preparação, a base da equipa para atacar a qualificação deverá ser entregue a Marcel Gil, Alexandre Ferreira, Filip Cveticanin, Marco Ferreira, Tiago Violas e Lourenço Martins. O líbero é Ivo Casas.

Portugal procura na Eslovénia a sua terceira presença numa fase final de um campeonato do mundo, depois do 15º lugar alcançado na estreia em 1956, entre 20 países, e o oitavo conquistado em 2002, na Argentina, entre 24 seleções.

A anfitriã seleção da Eslovénia, que Portugal defronta na sexta-feira, e a da Bélgica, adversária no encontro inaugural do grupo C-- ambas qualificadas para a fase final do Europeu'2017 - são os principais adversários na luta pelos dois primeiros lugares.

Para manter intactas as pretensões de marcar presença no Mundial'2018, a Seleção portuguesa, que falhou o Europeu'2017 no play-off com a Turquia, está impedida de perder pontos com Israel (quinta-feira), Geórgia (sábado) e Letónia (domingo).

Os primeiros classificados de cada um dos seis grupos da segunda fase de apuramento europeu para o Mundial'2018 qualificam-se diretamente para a fase final, que será organizada em conjunto pela Itália e pela Bulgária e na qual tem também presença assegurada a Polónia, atual campeã mundial.

Os segundos classificados dos seis grupos da segunda ronda de qualificação europeia apuram-se para a terceira ronda, que será disputada de 11 a 16 de julho e qualifica apenas o vencedor para o Mundial'2018.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon