Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Não foram encontrados explosivos no carro intercetado pela polícia em Bruxelas

Logótipo de O Jogo O Jogo 08/08/2017 Administrator

As autoridades belgas afirmaram hoje que não foi encontrado qualquer explosivo no carro parado pela polícia depois de uma perseguição no subúrbio de Molenbeek, no centro de Bruxelas.

"Nada de suspeito foi encontrado no veículo", disse Ine Van Wymersch, porta-voz do Ministério Público de Bruxelas.

A polícia belga deteve hoje o condutor de um veículo suspeito de transportar explosivos, após uma perseguição no subúrbio de Molenbeek e instalou um perímetro de segurança onde permaneceram retidas cerca de 400 pessoas.

Segundo a cadeia televisiva RTL, a polícia disparou em direção ao automóvel, após uma perseguição a alta velocidade que culminou na detenção do suspeito.

Ao sair do veículo este declarou que transportava explosivos no seu interior, segundo fonte policial citada pela RTL.

Para o local foram enviados especialistas em explosivos e a polícia isolou toda a área. Como medida de precaução, as pessoas foram impedidas de saírem dos estabelecimentos onde se encontravam.

As autoridades belgas recusaram-se a identificar o suspeito adiantando apenas que é um cidadão ruandês nascido em 1981 e que não era conhecido da polícia.

Bruxelas está em alerta máximo desde que terroristas mataram 32 pessoas em ataques no aeroporto e no metro da cidade a 22 de março de 2016.

Muitos suspeitos ligados a esses ataques e ao massacre de novembro de 2015 em Paris viviam ou tinham vivido no bairro de Molenbeek.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon