Ao utilizar este serviço e o conteúdo relacionado, concorda com a utilização de cookies para análise, anúncios e conteúdos personalizados.
Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Nabil Maaloul volta a treinar a seleção da Tunísia

Logótipo de O Jogo O Jogo 27/04/2017 Ana Proença

O tunisino Nabil Maaloul foi esta quinta-feira nomeado selecionador de futebol do seu país, substituindo o franco-polaco Henryk Kasperczak, demitido em abril, anunciou a federação do país norte-africano.

© DR

O novo treinador das 'águias de Cartago', de 54 anos, já tinha orientado a seleção da Tunísia em fevereiro de 2013, até renunciar sete meses depois.

Enquanto técnico de clubes, destacou-se em 2011 com a conquista da 'tripla' (campeonato, Taça e Liga dos campeões africanos) com o Esperance de Tunes.

Henryk Kasperczak, que estava em funções desde o verão de 2015, deixou o cargo depois de ser afastado pelo Burkina Faso de Paulo Duarte (2-0) nos quartos de final da Taça das Nações Africanas (CAN), em janeiro, no Gabão.

Novas derrotas em jogos particulares contra Camarões e Marrocos, no final de março, ditaram o seu afastamento.

A Tunísia continua na luta pelo apuramento para o Mundial de futebol de 2018, na Rússia, o que seria a sua primeira presença desde a edição de 2006, na Alemanha.

Lidera juntamente com a República Democrática do Congo o Grupo A, com o pleno de seis pontos, contra os zero da Guiné e da Líbia.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon