Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Nacional mantém invencibilidade frente ao Académico de Viseu

Logótipo de O Jogo O Jogo 10/09/2017 Ana Proença

O Nacional venceu este domingo em casa o Académico de Viseu, por 2-0, com um bis de Ricardo Gomes, e ascendeu ao segundo lugar da II Liga, mantendo a invencibilidade após seis jornadas.

A equipa do Funchal passou a ser a única sem derrotas neste campeonato, depois de impor o primeiro desaire aos visennses, que, de uma assentada, perderam a liderança para o Santa Clara e cairam para terceiro, atrás do Nacional.

Os insulares somaram o quarto triunfo consecutivo, merecendo inteiramente a conquista dos três pontos, já que foram a melhor equipa, mas sobretudo aquela que tudo fez pela vitória.

Os nacionalistas, que dominaram o jogo por inteiro, dispuseram de muitas oportunidades para avolumar o resultado, mas tal não aconteceu por mérito do guarda-redes Peçanha.

Na primeira parte, ainda antes de marcar o primeiro golo, o Nacional dispôs de três flagrantes ocasiões, aos 03 e 19 minutos, por intermédio de Ricardo Gomes, o homem do jogo, e aos 36 por Christian.

Do lado dos viseenses, Sandro Lima (06 minutos) e João Mário (32) foram os protagonistas de dois lances de perigo relativo junto da baliza do Nacional.

Aos 41 minutos, os madeirenses marcaram o primeiro golo, através de Ricardo Gomes, que saltou mais alto do que a defesa contrária e bateu Peçanha, com cabeceamento imparável, após um pontapé de canto.

Na segunda parte o 'filme' repetiu-se, com a equipa orientada por Costinha, sempre mais objetiva e consistente nas ações ofensivas, enquanto o Académico respondia de forma pouco clarividente.

Aos 84 minutos, Ricardo Gomes 'selou' a vitória do Nacional, na concretização de uma grande penalidade, por falta de Bruno Silva sobre Witi, que lhe valeu a expulsão com cartão vermelho direto.

Costinha, treinador do Nacional © Paulo Jorge Magalhães/Global Imagens Costinha, treinador do Nacional

Jogo no Estádio da Madeira.

Nacional - Académico de Viseu, 2-0.

Ao intervalo: 1-0.

Marcadores:

1-0, Ricardo Gomes, 41 minutos.

2-0, Ricardo Gomes, 86 (grande penalidade).

Equipas:

- Nacional: Daniel Guimarães, Nuno Campos, Diogo Coelho, Júlio César, Mauro Cerqueira, Jota, Vítor Gonçalves (Valkenedy, 67), Christian, Camacho, Ricardo Gomes (Vanilson, 89) e Murilo (Witi, 74).

(Suplentes: Framelin, Witi, Diego, Vanilson, Valkenedy, Elízio e Edgar Abreu).

Treinador: Costinha.

- Académico de Viseu: Peçanha, Joel (Erivaldo, 78), Bura, Bruno Sousa, Lucas, Paná (Barry, 60), Fernando Ferreira, João Mário (Avto, 42), Sandro Lima, Zé Paulo, Capela.

(Suplentes: Jonas, Kiko, Erivaldo, Barry, Loureiro, Pica e Avto).

Treinador: Francisco Chaló.

Árbitro: Fábio Veríssimo (Leiria).

Ação disciplinar: cartão amarelo para João Mário (33), Vítor Gonçalves (37), Jota (45+2), Daniel Guimarães (47), Avto (66), Júlio César (70), Fernando Ferreira (79), Peçanha (85) e Bura (88). Cartão vermelho direto para Bruno Sousa (85).

Assistência: 1.924 espetadores.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon