Ao utilizar este serviço e o conteúdo relacionado, concorda com a utilização de cookies para análise, anúncios e conteúdos personalizados.
Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Neymar: PSG usa patrocinador para contornar fair-play financeiro

Logótipo de O Jogo O Jogo 23/07/2017 Rui Trombinhas

Pagar a cláusula de 222 milhões do brasileiro coloca os parisienses em incumprimento com as regras de UEFA

© Fornecido por O jogo

O acordo entre parisienses e jogador está feito e o PSG planeia mesmo avançar para o pagamento da cláusula de 222 milhões de euros ao Barcelona para libertar Neymar. Mas para isso é preciso um plano para cumprir as regras da UEFA.

O Barcelona já tinha alertado esta semana. Qualquer clube que quisesse pagar a cláusula do avançado estaria em incumprimento com as regras do fair-play financeiro da UEFA. E o PSG sabe disso. O jornal "Marca", em Espanha, adianta que o clube já estuda um plano para contornar a questão.

Assim, o clube de Paris deverá usar um patrocinador que financiará diretamente Neymar para que seja o jogador, e não o PSG, a pagar a cláusula. O investidor escolhido será a Oryx Qatar Sports Investments, de acordo com o jornal espanhol, que ficaria com os direitos comerciais do jogador, enquanto o clube beneficiaria do brasileiro desportivamente. Assim, o pagamento dos 222 milhões não teria impacto nas contas financeiras do PSG.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon