Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Nova acusação de violação feita contra Roman Polanski

Logótipo de O Jogo O Jogo 04/10/2017 Administrator

A polícia suíça anunciou na terça-feira que está a investigar acusações de agressão sexual feitas contra Roman Polanski por uma mulher que afirma ter sido agredida pelo realizador franco-polaco em Gstaad, em 1972.

Renate Langer, que assegura ter sido violada por Polanski quando tinha 15 anos, foi interrogada em 26 de setembro pela polícia suíça, disse à AFP o chefe do departamento de comunicação da polícia do cantão de St. Gallen, Krusni Hanspeter.

O inquérito tinha sido noticiado pelo New York Times na terça-feira.

Segundo a imprensa, Renate Langer, que tem 61 anos, foi uma atriz, nascida em Munique, e é a quarta mulher a sair da sombra para acusar Roman Polanski, que tem 84 anos, de agressão sexual.

Em 1977, o cineasta reconheceu ter tido relações sexuais ilegais com Samantha Geimer, então com 13 anos, na casa de Jack Nicholson, em Los Angeles, enquanto este estava fora em viagem.

Em 2010, a atriz britânica Charlotte Lewis declarou que o realizador tinha-a forçado a ter uma relação sexual quanto ela tinha 16 anos.

Uma terceira mulher, identificada como 'Robin', tinha acusado o realizador em agosto de agressão sexual, quando ela tinha 16 anos, em 1973.

Langer justificou ter saído agora do silêncio com as declarações de 'Robin' e porque os seus pais já não estão vivos.

A polícia suíça ainda não sabe se vão ser feitas acusações criminais contra o cineasta, mas a antiguidade dos factos reduz as probabilidades de tal hipótese.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon