Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Nova oferta aproxima Marcano da renovação

Logótipo de O Jogo O Jogo 29/07/2017 Hugo M. Monteiro

Agente revelou à rádio "Marca" que o espanhol e a SAD estão a falar e catalogou a última proposta como interessante. O acordo, porém, não será apressado.

A distância entre o FC Porto e Marcano nas negociações para a renovação de contrato começa a encurtar-se.

© Fábio Poço/Global Imagens

Separados pelos valores e pela duração do vínculo em junho, os dragões deram um passo importante no sentido da aproximação, apresentando-lhe uma proposta mais ajustada ao estatuto que detém no plantel, tal como O JOGO noticiou no começo deste mês. A assinatura do acordo até poderá concretizar-se apenas depois de encerrar o mercado de transferências, mas a oferta parece agradar ao central, ao ponto de o empresário a ter catalogado de "interessante", em declarações efetuadas à rádio "Marca", de Málaga. Ao nosso jornal, contudo, Iñaki Ibañez foi mais comedido, refugiando-se no habitual "tudo pode acontecer". "Renovação? Não descartamos nenhum cenário", insistiu.

Visto como um dos pilares da defesa por Sérgio Conceição, Marcano está consciente de que o FC Porto não está na disposição de o vender. Muito menos por um valor reduzido. Valência, Eibar e Málaga bateram à porta do Dragão com propostas na casa dos seis milhões de euros e ouviram um não como resposta. De resto, o projeto dos três clubes também não era muito do agrado do jogador de 30 anos.

citacaoQuando estás envolvido num projeto assim, é natural que não o queiras trocar por outro diferenteesquerda

"O Iván [Marcano] está a jogar e, por isso, está feliz no FC Porto. É um dos capitães de equipa e quer disputar a Liga dos Campeões com o clube. Quando estás envolvido num projeto assim, é natural que não o queiras trocar por outro diferente. Mas nunca sabes o dia de amanhã", referiu a O JOGO.

Marcano viveu em 2016/17 a melhor das três temporadas iniciais ao serviço do FC Porto. Sem lesões a atrapalhar, o espanhol marcou cinco golos em 46 jogos (ambos máximos de carreira) e formou com Felipe uma dupla que Pinto da Costa chegou a considerar das melhores da história do clube. O rendimento levou os dragões a iniciarem conversas para a renovação do contrato, que ganharam outro impulso com a chegada de Sérgio Conceição, uma vez que o técnico rotulou-o de imprescindível. Falta um mês para fechar o mercado e o acordo já esteve bastante mais longe.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon