Ao utilizar este serviço e o conteúdo relacionado, concorda com a utilização de cookies para análise, anúncios e conteúdos personalizados.
Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Nuno Saraiva reage aos castigos e fala de censura

Logótipo de O Jogo O Jogo 28/03/2017 Alcides Freire

Bruno de Carvalho foi punido pelo Conselho de Disciplina da FPF com 113 dias de suspensão. Octávio Machado com 75.

Depois da divulgação dos castigos impostos pelo Conselho de Disciplina (CD) da FPF ao presidente do Sporting, Bruno de Carvalho, e a Octávio Machado, Nuno Saraiva, diretor de comunicação do clube de Alvalade, reagiu através das redes sociais, comparando a suspensão do dirigente máximo leonino com a de Luís Filipe Vieira:

© Reprodução/Facebook

"E depois vêm falar em dualidade de critérios. O presidente de certo e determinado clube ofende, insulta e injuria um vice-presidente do Conselho de Arbitragem e é castigado com 60 dias. O Presidente do Sporting Clube de Portugal, após meses e meses de ações cometidas por outros que podem ser entendidas por muitos como pressão e chantagem, é punido com 113 dias de suspensão, sendo que o único delito que cometeu foi de opinião. Veremos o que acontece aos que, na semana passada, boicotaram a Seleção Nacional, promoveram e instigaram o clima que conduziu à agressão ao Presidente da Mesa da Assembleia Geral do Sporting CP e desferiram o maior ataque de que há memória às instâncias do futebol português, pondo em causa o seu caráter, a sua honra e a sua dignidade. Nessa altura, para quem ainda possa ter dúvidas, teremos, seguramente, a prova dos nove", atirou Nuno Saraiva, falando mesmo num regresso aos "tempos de censura":

"Mas uma coisa é aparentemente certa: há quem, no futebol português, pareça querer voltar a um tempo em que a censura era azul. Hoje, a única diferença, é a cor do lápis", finalizou.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon