Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

OE2017: Défice cai 1.900 ME para 2.034 ME até agosto

Logótipo de O Jogo O Jogo 25/09/2017 Administrator

O défice das administrações públicas foi de 2.034 milhões de euros até agosto, uma "melhoria de 1.901 milhões" face ao mesmo período de 2016, segundo o Governo, que justifica com aumento superior a 4% da receita.

Num comunicado hoje enviado às redações que antecede a divulgação da síntese da execução orçamental pela Direção-Geral do Orçamento (DGO), o gabinete de Mário Centeno refere que, para a evolução do défice orçamental nos primeiros oito meses do ano "contribuíram o aumento da receita de 4,3% e o crescimento da despesa de 0,4%".

"A continuação desta tendência de melhoria dá confiança no alcance dos objetivos orçamentais definidos para 2017 e permitirá acomodar o impacto de fatores que se traduzirão num abrandamento do ritmo de redução do défice no quarto trimestre", lê-se ainda na nota, com as Finanças a estimar que estes fatores representem "cerca de 1.500 milhões de euros" no total.

Em causa está, do lado da despesa, o perfil do pagamento do subsídio de Natal este ano (com 50% a ser feito em novembro) e, do lado da receita, a componente temporária do Programa Especial de Redução do Endividamento ao Estado (PERES) e o acerto de margens financeiras da União Europeia.

Quanto ao saldo primário, que exclui os encargos com a dívida pública, a tutela indica que "o excedente primário ascendeu a 3.734 milhões de euros, um aumento de 2.087 milhões de euros".

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon