Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

OE2018: PEV espera mais PIB e menos desemprego, mas alerta para fatores externos

Logótipo de O Jogo O Jogo 11/10/2017 Administrator

O deputado de "Os Verdes" José Luís Ferreira traçou hoje um cenário macroeconómico da proposta de Orçamento do Estado para 2018 (OE2018) do Governo por um aumento do Produto Interno Bruto (PIB) e descida do desemprego.

"Vamos ter um orçamento cuja estimativa é de um aumento do PIB, a continuação da dinamização da economia, com crescimento, com menos desemprego, uma taxa de desemprego a descer. Foram as linhas essenciais transmitidas", disse o deputado, à saída de uma reunião com o ministro das Finanças e com o secretário de Estado dos Assuntos Parlamentares, na Assembleia da República, para apresentação das linhas gerais do OE2018.

O parlamentar congratulou-se por não ir haver "aumento de impostos para os rendimentos do trabalho" e com "o reforço da natureza progressiva do IRS, com mais dois escalões", passando de cinco para sete, o que "vai naturalmente favorecer os rendimentos mais baixos".

"Chamámos a atenção do Governo para a necessidade de acautelar aquilo que é fundamental: se a economia está a crescer, esse crescimento tem de se refletir na vida material das pessoas, das famílias e de quem trabalha", vincou.

José Luís Ferreira avisou ainda para a necessidade de diminuição no documento de "elementos ou fatores externos que o Governo não domina" e que "contribuem" para o atual bom desempenho económico como "a baixa do preço do petróleo", "a baixa da taxa de juro", "o desempenho das economias destinatárias das exportações" e "o turismo".

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon