Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

PAIGC marca congresso para final de janeiro

Logótipo de O Jogo O Jogo 22/10/2017 Administrator

O IX congresso do Partido Africano para a Independência da Guiné e Cabo Verde (PAIGC) vai realizar-se entre 30 de janeiro e 04 de fevereiro, disse hoje à Lusa o presidente do partido, Domingos Simões Pereira.

A decisão foi tomada durante a reunião do Comité Central, que se realizou sábado na sede do partido em Bissau, e que terminou cerca das 23:00 (00:00 em Lisboa).

O congresso terá como lema "PAIGC unido na disciplina, pelos ideais ao serviço da paz e estabilidade e desenvolvimento da Guiné-Bissau".

Ao contrário do que estava previsto, o congresso vai decorrer em Bissau e não em Bolama.

O secretário nacional do partido, Ali Hijazi, foi designado presidente da comissão organizadora do evento, que vai ter 1.200 delegados.

Domingos Simões Pereira pediu o "empenho de todos os militantes para que o congresso seja um lugar onde se vai discutir em substância os assuntos do partido" para que o PAIGC saía "reforçado".

"Muita coisa que vai acontecer no país nos próximos tempos dependerá do nosso congresso", afirmou.

A Guiné-Bissau vive há cerca de três anos um impasse político, depois de o Presidente guineense, José Mário Vaz, ter demitido Domingos Simões Pereira do cargo de primeiro-ministro.

O PAIGC venceu as eleições legislativas de 2014 e não reconhece o atual Governo em funções no país.

O impasse político, que provocou também ao encerramento do parlamento guineense, tem levado vários países e instituições internacionais a apelarem ao diálogo entre os líderes políticos guineenses.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon