Ao utilizar este serviço e o conteúdo relacionado, concorda com a utilização de cookies para análise, anúncios e conteúdos personalizados.
Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Paris SG reuniu com Jorge Mendes para abordar futuro de Cristiano Ronaldo

Logótipo de O Jogo O Jogo 17/06/2017 António Soares

O "Daily Mail" garante que horas antes da final da Champions, em Cardiff, Jorge Mendes conversou com Nasser Al-Khelaifi, presidente do PSG, que ficou a saber do escândalo que ia rebentar em Espanha. Al-Khelaifi pediu ao empresário que o mantivesse informado

. © Fornecido por O jogo .

O Hotel Hilton, em Cardiff, terá sido o palco de uma reunião secreta entre Jorge Mendes, empresário de Cristiano Ronaldo, e Nasser Al-Khelaifi, presidente do Paris Saint-Germain, na qual o futuro do avançado português terá sido abordado. A revelação foi feita pelo "Daily Mail" na edição deste sábado, onde se garante que o empresário terá até confiado a Al-Khelaifi que o escândalo que envolve Cristiano Ronaldo e o fisco estava na iminência de rebentar, em Espanha.

Numa altura em que o futuro do português está mais indefinido do que nunca, o Paris Saint-Germain vê surgir uma oportunidade inesperada para contratar um jogador que daria uma dimensão superior ao clube a todos os níveis e especialmente ao nível comercial. Os parisienses surgem, aliás, como um dos poucos clubes com condições financeiras para avançar para um negócio astronómico que, a verificar-se, marcaria certamente a história do futebol Mundial.

Enquanto a situação entre Cristiano Ronaldo e o Real Madrid permanece por clarificar, Al-Khelaifi pediu a Jorge Mendes para que o mantivesse informado sobre o evolução do tema.

Em Manchester, os adeptos do United também suspiram por um regresso do CR7, jogador que nunca foi substituído nos seus corações, mas neste caso José Mourinho é apontado como o responsável com a última palavra sobre uma eventual entrada na corrida pela contratação. Sabendo-se que a relação entre ambos ficou muito desgastada, em Madrid, é pouco provável que o regresso à Premier League pela porta do United seja viável.

O melhor do MSN em qualquer dispositivo


AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon