Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Passos Coelho quer "esclarecimento cabal" sobre viagens pagas por multinacionais

Logótipo de O Jogo O Jogo 06/09/2017 Administrator

O presidente do PSD, Pedro Passos Coelho, considerou hoje necessário haver um "esclarecimento cabal" sobre as polémicas viagens alegadamente pagas por multinacionais e a penalização de quem não cumpre a lei.

Passos Coelho falava aos jornalistas em Aguiar da Beira, depois de questionado sobre a notícia hoje avançada pelo jornal i de que a Microsoft "tem vindo a convidar autarcas para viajar até à sede da multinacional em Seattle, com apoio na despesas", tendo "Mauro Xavier e Pedro Duarte, quadros da Microsoft e do PSD", sido "responsáveis por endereçar os convites".

"Não tenho nenhuma ideia de que na maioria sejam social-democratas. É verdade que há grandes empresas, nomeadamente multinacionais, que têm essa abordagem de natureza comercial", afirmou.

Na opinião do líder social-democrata, é preciso que "essas práticas dessas empresas sejam contrastadas, no que respeita à esfera pública, com aquilo que são boas práticas que devam ser seguidas".

"E isso sim, têm vindo a público ao longo destes meses notícias de pessoas que podem, na área pública, ter estado associadas a convites dessa natureza e que os aceitaram e que merecem uma explicação pública", acrescentou.

Segundo Passos Coelho, deve haver investigação do Ministério Público, "para que todos possam ter noção do que deve ser feito e do que não deve ser feito", e deve ser penalizado "quem não cumpriu as regras que estão prescritas na lei".

"O resto é um debate que eu acho que é importante um dia fazer-se em Portugal sobre a forma como muitas vezes estas empresas atuam", frisou.

No seu entender, "há uma exigência muito maior da sociedade em querer apurar com transparência as práticas que essas empresas têm, mas sobretudo a prática que pessoas que estão ligadas a instituições públicas seguem".

"E isso deve ser feito com toda a transparência também", acrescentou.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon