Ao utilizar este serviço e o conteúdo relacionado, concorda com a utilização de cookies para análise, anúncios e conteúdos personalizados.
Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Paulo Fonseca: "Maradona não se destacaria tanto ao lado de CR7 ou Messi"

Logótipo de O Jogo O Jogo 23/02/2017 Ana Proença

Paulo Fonseca, treinador do Shakhtar, foi entrevistado pelo jornal espanhol "Marca", e sendo português, era inevitável uma pergunta sobre Cristiano Ronaldo.

© André Vidigal / Global Imagens

"Onde está o limite de Cristiano Ronaldo? É difícil ganhar mais do que tem ganho até agora, mas toda a gente sabe que Cristiano não tem limites. Penso que, apesar da sua idade (32 anos) vai continuar a quebrar recordes", afirmou Paulo Fonseca.

O treinador português considerou ainda "muito injusta" a eterna comparação entre CR7 e Messi. "Se não tivessem coincidido a jogar na mesma altura, cada um seria claramente o melhor da sua época. Sendo diferentes, são inigualáveis. Até ao Maradona, que para mim era o melhor até aos nossos dias, não se destacaria tanto ao lado de Cristiano ou Messi", considerou.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon