Ao utilizar este serviço e o conteúdo relacionado, concorda com a utilização de cookies para análise, anúncios e conteúdos personalizados.
Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Pedro Emanuel: "Merecíamos mais qualquer coisa"

Logótipo de O Jogo O Jogo 17/03/2017 Pedro Rocha
O treinador do Estoril-Praia Pedro Emanuel reage durante o jogo da Primeira Liga de Futebol com o Vitória de Guimarães disputado no estádio D. Afonso Henriques em Guimarães 12 março 2017. ESTELA SILVA/LUSA © ESTELA SILVA O treinador do Estoril-Praia Pedro Emanuel reage durante o jogo da Primeira Liga de Futebol com o Vitória de Guimarães disputado no estádio D. Afonso Henriques em Guimarães 12 março 2017. ESTELA SILVA/LUSA

Treinador registou com agrado "a supremacia" do Estoril na partida com o Boavista e acha que a equipa está no caminho certo, rumo à permanência

O Estoril continua invicto com Pedro Emanuel. Na estreia no Estádio António Coimbra da Mota, depois da vitória em Guimarães, o treinador viu os canarinhos empatarem e ficou com a clara impressão de que os três pontos poderiam ter ficado em casa. "Tenho que agradecer ao nosso público, que está sempre com a equipa nos momentos difíceis. Merecíamos mais qualquer coisa deste jogo, atendendo ao que fizemos. Entrámos bem no jogo, tendo ascendente sobre o adversário, que depois conseguiu equilibrar. Na segunda parte, voltámos a assumir o jogo e somámos pelo menos 10 remates. Faltou acertar, fruto eventualmente da ansiedade. Atendendo à nossa supremacia e às oportunidades criadas, merecíamos a vitória", defendeu.

A luta pela manutenção no principal campeonato português prossegue e Pedro Emanuel acredita que o Estoril está no bom caminho. "O grupo está unido e muito focado, praticando um futebol alegre e nada desequilibrado, apesar de termos muitos jovens. O próximo jogo será com o Tondela e será mais uma final, respeitando muito o adversário, tal como fizemos hoje. Há que criar oportunidades, não sofrendo golos. Precisamos de tempo e o desgaste dos jogadores é grande, pelo que a paragem do campeonato será proveitosa", reconheceu.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon