Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Pepa: "Custa-nos muito ganhar um jogo"

Logótipo de O Jogo O Jogo 26/10/2017 Hugo Monteiro

Pepa, treinador do Tondela, quer somar mais triunfos, a começar pelo jogo com o Marítimo.

O treinador do Tondela, Pepa, disse esta quinta-feira que, apesar de ser cada vez mais difícil ganhar um jogo na I Liga, as vitórias têm de passar a ser mais naturais, não surgindo apenas quando estão encostados à parede. "As vitórias são difíceis, são muito exigentes e custa-nos muito ganhar um jogo, mas temos que tentar fazer com que essas vitórias sejam mais naturais. O nosso desafio é fazer com que a resiliência e capacidade de superação não surjam apenas quando estamos encostados à parede", sustentou.

© Tony Dias/Global Imagens

Na conferência de imprensa de antevisão da deslocação de sábado à Madeira, onde os auriverdes irão defrontar o Marítimo em jogo da 10.ª jornada da I Liga de Futebol, Pepa sublinhou que têm de "capitalizar o passado recente do clube". "Este é um clube que veio em poucos anos dos distritais para o futebol profissional e isto é sinónimo de um clube vencedor. Temos de ser nós, agora, que estamos na elite do futebol profissional, a criar o hábito de vitória", acrescentou.

Sobre o adversário, o treinador destacou que se trata de uma equipa muito forte, bem orientada e que "abriu um ciclo vencedor incrível desde setembro de 2016 [na última época]". "Foi precisamente connosco, então, cabe-nos a nós também fechar este ciclo com uma vitória, independentemente de termos noção do que vamos encontrar. Temos de nos agarrar ao que temos feito", frisou.

No seu entender, o Marítimo é "uma equipa muito cínica, no bom sentido da palavra" e que não se sente desconfortável quando não tem bola. "Sabe o que fazer, não entra em desorganização ou em stress emocional, porque identifica bem os momentos para depois sair em transição. Mas, o nosso foco também é grande nos três pontos", referiu.

Pepa aproveitou ainda a ocasião para deixar "um abraço" a Junior Pius, que será alvo de uma intervenção cirúrgica ao final desta quinta-feira O defesa central nigeriano sofreu uma rotura do ligamento cruzado anterior do joelho direito, num jogo treino que decorreu no início do mês, tendo pela frente cerca de seis meses de recuperação.

Marítimo, quinto classificado, com 16 pontos, e Tondela, 12.º, com nove, defrontam-se às 16h00 de sábado, no Estádio do Marítimo, no Funchal, num jogo da 10.ª jornada da I Liga, que terá arbitragem de Hélder Malheiro, da associação de Lisboa.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon