Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

PJ detém mãe de criança colhida mortalmente por comboio na Guarda

Logótipo de O Jogo O Jogo 22/09/2017 Administrator

A mãe da criança que foi colhida mortalmente por um comboio na Guarda, na quinta-feira, foi detida pela Polícia Judiciária (PJ) por suspeita do crime de exposição ou abandono, agravado pelo resultado da morte, foi hoje anunciado.

A criança com dois anos e meio foi colhida mortalmente por um comboio de passageiros, pelas 13:30 de quinta-feira, próximo do apeadeiro de Sobral da Serra, na Guarda.

O acidente ocorreu na Linha da Beira Alta, tendo a criança sido atropelada pelo comboio Intercidades que saiu da Guarda e tinha como destino Lisboa.

O Departamento de Investigação Criminal da PJ da Guarda anunciou hoje em comunicado que identificou e deteve a mãe da criança, como sendo a "presumível autora de um crime de exposição ou abandono, do qual resultou a morte do seu filho menor de apenas dois anos e meio" de idade.

A detida tem 23 anos e vai ser presente às competentes autoridades judiciárias, para efeitos de primeiro interrogatório judicial e submissão a adequadas medidas de coação, indica a fonte.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon