Ao utilizar este serviço e o conteúdo relacionado, concorda com a utilização de cookies para análise, anúncios e conteúdos personalizados.
Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Podence já está a convencer Jesus

Logótipo de O Jogo O Jogo 01/04/2017 Rui Trombinhas

Dos jovens que entraram em janeiro, o avançado é aquele que tem impressionado e ganhou o lugar em 2017/18

© MANUEL DE ALMEIDA

Jorge Jesus viu o regresso a Alvalade de Daniel Podence, João Palhinha, Francisco Geraldes, André Geraldes e Ryan Gauld na reabertura do mercado de transferências, mas, segundo O JOGO apurou, apenas o primeiro, até ao momento, tem correspondido na plenitude às expectativas do técnico. Aliás, Jesus olha mesmo para o avançado como um atleta capaz de seguir as pisadas de Gelson, no que à afirmação na equipa diz respeito num futuro próximo, encontrando nele a qualidade técnica e tática para o efeito, daí que seja um nome praticamente certo no plantel da próxima temporada.

citacaoJoão Palhinha é o que tem mais minutos de utilização, mas ainda não apresentou os níveis exibicionais pretendidos pelo técnico, mesmo tendo a lesão de Adrien como janela de oportunidade

A espontaneidade, a agressividade e a atitude competitiva de Podence também têm impressionado o treinador que, como o nosso jornal oportunamente deu conta, chegou mesmo a solicitar ao então técnico da equipa secundária, João de Deus, na última temporada, para o utilizar na zona central do terreno, apesar de a sua formação ter sido feita fundamentalmente como extremo. Crente que é uma aposta que merece continuidade, Jesus tem preparado Podence de olhos em 2017/18, mesmo perante a apertada concorrência que o jovem tem na posição que ocupa - até ao momento, foi chamado em seis jogos, em que fez 176 minutos, com uma média de 29,3 minutos por encontro.

Num patamar inferior está João Palhinha, elogiado pela sua capacidade de trabalho, mas ainda à procura do seu espaço como médio mais recuado, onde está tapado por William. A lesão de Adrien provocou alguma incerteza no corredor central, Palhinha apareceu em nove jogos, concretamente em 217 minutos, mas até ao momento ainda não terá correspondido em pleno. Francisco Geraldes, com quatro minutos de jogo, continua longe das ideias do técnico. André Geraldes e Ryan Gauld ainda nem sequer foram chamados - têm alinhado pelos bês.

LEIA MAIS NA EDIÇÃO IMPRESSA OU E-PAPER

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon