Ao utilizar este serviço e o conteúdo relacionado, concorda com a utilização de cookies para análise, anúncios e conteúdos personalizados.
Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

População de Vila D'Este, Gaia, envia petição para a AR pela reabertura de posto CTT

Logótipo de O Jogo O Jogo 14/07/2017 Administrator

A Associação dos Proprietários da Urbanização de Vila D'Este, Vila Nova de Gaia, enviou à Assembleia da República uma petição na qual pede que seja reaberto um posto de correios numa zona que tem mais de 17.000 cidadãos residentes.

Em declarações à agência Lusa, a presidente da associação, Maria Preciosa Cunha, referiu que o posto de CTT que existia deixou de funcionar "há cerca e um ano ou mais", sendo "dramático ver os mais idosos com dificuldades de locomoção e financeiras apanhar duas carreiras para ir ao posto mais próximo para, entre outros assuntos, levantar as suas pensões".

A Associação dos Proprietários da Urbanização de Vila D'Este diz que já contactou os CTT, mas até ao momento as reivindicações não foram ouvidas e aponta que tem a possibilidade de "ceder a todo o tempo os recursos necessários e bastantes ao atendimento, receção e distribuição de correio".

No comunicado que dá nota do envio da petição para a Assembleia da República, a associação diz estar disponível para fazer uma "concessão de espaço", instalar um "balcão de atendimento" e afetar recursos humanos que garantirão a operacionalidade do posto todos os dias úteis, entre as 09:00 e as 13:00 e entre as 15:00 e as 19:00.

"Temos uma associação aberta e pessoal disponível para fazer o atendimento. Do ponto de vista físico temos tudo. Precisaríamos é de alguma formação. A associação até fica num ponto estratégico de Vila D'Este, porque fica no cimo do empreendimento perto dos serviços sociais da câmara e do hospital", descreveu Maria Preciosa Cunha.

Para a associação, "a ausência real de um serviço essencial a uma população constituída por mais de 17.000 cidadãos residentes é intolerável e legitimador do impulso transmitido a coberto de uma proposta enviada aos CTT em tempo útil".

No texto é apontado que as estações de correio mais próximas da população de Vila d'Este, freguesia de Vilar do Andorinho, são as que se situam na freguesia de Canelas, de Avintes, de Valadares e, ainda, os postos localizados ao Jardim de Soares dos Reis e no Gaia-Shopping, as quais distam, diz a associação, entre seis e dez quilómetros da urbanização.

"A inexistência de um posto de correios na área geográfica da Urbanização obriga a enormes dificuldades para todos os cidadãos residentes e comporta custos de deslocação desnecessários, especialmente quando se trata de receção e distribuição de correio registado", conclui a nota.

Já fonte oficial dos CTT, contactada pela agência Lusa, respondeu, via 'email', que "neste momento o ponto CTT mais próximo do local dista a 2,3 quilómetros".

"Os CTT encontram-se presentemente em contacto com a Junta de Freguesia de Vilar de Andorinho com vista à abertura de um novo Posto de Correios, preferencialmente antes do final do verão", indicou, ainda, a mesma fonte.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon