Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Presidente do Mónaco acusado de invasão de privacidade

Logótipo de O Jogo O Jogo 19/10/2017 Hugo M. Monteiro

Acusação surge após uma denúncia feita por uma ex-colaboradora do presidente, que garante ter sido filmada contra a sua vontade.

© Reuters

O presidente do Mónaco, o magnata russo Dimitri Ryobolovlev, foi acusado pela justiça do principado de invasão de privacidade, avança esta quinta-feira o jornal L'Équipe.

A acusação surge após uma denúncia feita por uma ex-colaboradora do presidente, que garantiu ter sido filmada contra a sua vontade por Dimitri Ryobolovlev. A mulher, de nacionalidade búlgara e próxima da família do presidente do Mónaco, afirma ter sido filmada na sequência de um caso contra o marchand de arte suíço Yves Bouvier, acusado por Ryobolovlev de lhe roubar diversas obras de arte.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon