Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Primeiro-ministro do Iraque pede anulação do referendo no Curdistão

Logótipo de O Jogo O Jogo 27/09/2017 Administrator

O primeiro-ministro do Iraque, Haidar al-Abadi, pediu hoje às autoridades da região autónoma do Curdistão para anularem o referendo sobre a independência e "todas as consequências" decorrentes da consulta e aceitarem um diálogo baseado na Constituição.

"O referendo deve ser anulado e um diálogo deve ser aberto no âmbito da Constituição", afirmou al-Abadi no parlamento de Bagdad.

O apelo do primeiro-ministro iraquiano é feito no dia em que é esperada a oficialização dos resultados do referendo realizado na segunda-feira, no qual, segundo as autoridades curdas, os 4,5 milhões de eleitores votaram maciçamente pelo 'sim' à independência.

O parlamento de Bagdad aprovou na segunda-feira uma resolução para o destacamento de forças nacionais em todas as zonas disputadas.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon