Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Província angolana do Moxico com 33 mortes por tuberculose em seis meses

Logótipo de O Jogo O Jogo 31/07/2017 Administrator

A tuberculose matou 33 pessoas no primeiro semestre deste ano, na província angolana do Moxico, leste do país, num total de 750 novos casos desta doença registados, informaram hoje as autoridades sanitárias locais.

Os dados, avançados pelo supervisor provincial do Programa de Luta contra a Tuberculose, Eduardo Ernesto, indicam um aumento significativo de mais 466 casos comparativamente ao mesmo período de 2016.

A província do Moxico é a maior de Angola, com uma área de 223.023 quilómetros quadrados (superior à de Portugal), mas com apenas cerca de 750 mil habitantes.

Segundo o responsável sanitário, entre os novos casos, 107 estão infetados com HIV/SIDA.

De acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), Angola está entre os 20 países com maior incidência de tuberculose no mundo, tendo-se estimado em 2015 a existência de 93 mil novos casos da doença, dos quais 28 mil são HIV positivos e 4.100 casos de tuberculose multirresistente.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon