Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

PSI20 segue negativo com praticamente todas as ações a negociarem no vermelho

Logótipo de O Jogo O Jogo 04/09/2017 Administrator

A bolsa de Lisboa segue em terreno negativo, em linha com as congéneres europeias, com praticamente todas as ações a negociarem no vermelho.

Pelas 08:50, o índice de referência, o PSI20, seguia a desvalorizar 0,66% para 5.161,22 pontos, com 18 cotadas a caírem e uma inalterada (a EDP).

As ações da Ibersol eram as que mais caíam, com desvalorizações de 16,87% para 12,0 euros, depois de na sexta-feira terem sido conhecidos os resultados do primeiro semestre, tendo a empresa que detém as marcas PizzaHut e Burger King em Portugal e Espanha aumentado o lucro em 10,2% para 9,7 milhões de euros entre janeiro e junho.

A Pharol seguia igualmente em queda, com as ações a desvalorizarem 1,89% para 0,31 euros, bem como o BCP, com os títulos em baixa de 1,68% para 0,22 euros.

Lisboa seguia em linha com as bolsas europeias, com os investidores alarmados pelos ensaios nucleares da Coreia do Norte e as suas possíveis consequências económicas e militares.

Os mercados iniciaram a semana a reagir à crescente tensão entre a Coreia do Norte e os EUA que já ameaçaram suspender o comércio com aquele país e não descarta uma ação militar caso os ensaios nucleares se mantenham.

Também as bolsas asiáticas manifestam esta tensão com o índice Nikkei de Tóquio a fechar hoje com uma queda de 0,93%.

Nas divisas, o euro seguia a subir face ao dólar e trocava-se na abertura a 1,1885 dólares, enquanto no mercado de matérias-primas o preço do crude de referência na Europa, o Brent, vaía até aos 0,56%, para os 52,43 dólares por barril.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon