Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Quase 2.000 membros do Estado Islâmico entrincheirados na região iraquina de Tel Aafar

Logótipo de O Jogo O Jogo 01/08/2017 Administrator

Quase dois mil combatentes do grupo radical Estado Islâmico estão entrincheirados na região de Tel Aafar, a 60 quilómetros a oeste da cidade iraquiana de Mossul, último bastião dos radicais na província de Nínive, anunciou hoje fonte militar.

Em comunicado, o comandante das operações militares de Nínive, cuja sede é em Mossul, informou que os membros do Estado Islâmico estão entrincheirados dentro da antiga cidadela de Tel Afar e que a batalha para "recuperar [o distrito] está iminente".

O general Naym al Yaburi considerou ainda que será relativamente mais fácil do que a batalha de recuperação de Mossul há cerca de duas semanas e que causou "grandes perdas" às forças iraquianas. Contudo, o general não precisou o número de baixas.

Acrescentou que as forças iraquianas estão "bem preparadas para combater em lugares e com terrenos complexos".

Há poucos dias, responsáveis iraquianos referiram que cerca de 7.000 membros do grupo 'jihadista' Estado Islâmico permanecem no Iraque após a queda de Mossul, onde há três anos foi autoproclamado o califado pelo seu líder.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon