Ao utilizar este serviço e o conteúdo relacionado, concorda com a utilização de cookies para análise, anúncios e conteúdos personalizados.
Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Quim Machado: "Cristiano, Miguel Rosa e mais nove de início"

Logótipo de O Jogo O Jogo 17/03/2017 Hugo M. Monteiro

Depois do erro na Luz, que deu origem ao primeiro golo do Benfica, Miguel Rosa voltará a ser titular, conforme adiantou o treinador do Belenenses.

O treinador do Belenenses assegurou esta sexta-feira que a derrota com o Benfica "é passado" e que os azuis querem iniciar, diante do Braga, um novo ciclo de jogos sem perder na I Liga.

A derrota frente aos encarnados (4-0), na ronda anterior, terminou com uma série de seis encontros seguidos do Belenenses sem perder, mas Quim Machado não sente a equipa fragilizada pelos números do desaire.

"A nossa equipa vinha de uma série fantástica. A diferença entre nós e o Benfica é grande. Esse jogo já passou. O Benfica é passado e o Braga é o próximo. Estamos focados em iniciar um ciclo idêntico ao anterior, fazendo seis jogos sem perder e, se possível, sete", afirmou, na antevisão da partida da 26ª jornada, marcada para sábado.

De resto, o técnico voltou a abordar o confronto da Luz, considerando que "perder contra os grandes é normal", e aproveitou para reforçar a defesa de Miguel Rosa, antigo atleta das águias, que cometeu o erro que deu origem ao primeiro golo do Benfica.

"Amanhã [sábado], o Belenenses vai jogar com Cristiano, Miguel Rosa e mais nove de início. Não tenho qualquer tipo de dúvidas, eles têm a minha confiança. O Belenenses faz seis jogos sem perder e vão por tudo em causa devido a um jogo", questionou, adiantando: "Nós sabemos como isto funciona e estamos atentos".

Por outro lado, antecipou um Braga empenhado em terminar a fase menos positiva que atravessa, tendo em conta que só ganhou um dos últimos sete jogos no campeonato e ainda não venceu fora do seu reduto sob o comando de Jorge Simão.

"Têm tido dificuldades fora de casa, mas, por outro lado, estão numa luta com o Vitória de Guimarães, o eterno rival. Estamos à espera de um Braga que quer alterar esses resultados e conseguir aquela vitória fora de casa", disse.

© Filipe Amorim/Global Imagens

O técnico admitiu ser prematuro começar a pensar nos lugares que dão acesso às competições europeias, embora assegurando que o conjunto do Restelo não quer "fugir a essa responsabilidade", caso esteja envolvido nessa luta nas últimas jornadas.

"Se fizermos 35 pontos, teremos de olhar sempre para cima. Não nos vamos esconder se nas últimas jornadas tivermos numa posição que nos permita olhar para o sexto lugar, que poderá dar ou não a qualificação. Mas, nesta altura, ainda estamos um bocado distantes de pensar nesses lugares", concluiu.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon