Ao utilizar este serviço e o conteúdo relacionado, concorda com a utilização de cookies para análise, anúncios e conteúdos personalizados.
Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Quim Machado: "O Pedro Emanuel deu outra alma ao Estoril"

Logótipo de O Jogo O Jogo 13/04/2017 Hugo M. Monteiro

Treinador do Belenenses alerta para subida do nível de jogo do Estoril.

O treinador do Belenenses assumiu esta quinta-feira o mau momento que a equipa atravessa na I Liga, mas disse que os azuis estão "comprometidos" a encerrar o ciclo de derrotas diante do Estoril.

Quim Machado, que fazia a antevisão do encontro da 29ª jornada, marcado para sexta-feira, afirmou que o Belenenses quer retomar o caminho dos triunfos no campeonato, colocando, desta forma, um ponto final nos quatro desaires consecutivos.

© Ivan Del Val/Global Imagens

"Esta semana temos o compromisso de quebrar o ciclo de derrotas. Queremos ganhar a todo o custo. Vamos entrar com força, energia positiva e vamos dar as mãos. Perder quatro jogos seguidos não é bom, não era o que queríamos. Este jogo é importante para reentrarmos no caminho a que estávamos habituados", afirmou, em conferência de imprensa.

De resto, o técnico da formação de Belém apontou a derrota com o Braga (2-1), há um mês, como o momento "chave" para esta sequência de maus resultados.

"Perdemos esse jogo, mas poderíamos tê-lo vencido. Após esse jogo, até pelo que fizemos, fomos um bocado abaixo. Se ganhássemos, dávamos aquele salto e ficávamos mais próximos do sexto lugar, que dá acesso à Liga Europa. Depois, no jogo com Feirense, fizemos uma boa primeira parte, mas na segunda não demos a resposta que queríamos", referiu.

Quim Machado recordou que, neste período, os 'azuis' defrontaram "três equipas fortíssimas, como são Benfica, FC Porto e Braga" e mostrou-se preparado para enfrentar as críticas que surgiram na sequência da derrota na última jornada, frente aos 'dragões' (4-0), lembrando que "é criticado ora por jogar aberto, ora por jogar fechado".

O técnico do conjunto de Belém reforçou o objetivo de igualar os 41 pontos da época passada "e, se possível, melhorar, chegando aos 42", sendo que, nesta ronda, os azuis terão pela frente um Estoril que ganhou "outra alma" com a chegada do técnico Pedro Emanuel.

"O Pedro Emanuel deu outra alma ao Estoril, fez um excelente jogo para a Taça de Portugal [3-3, diante do Benfica], mas depois perdeu com o Nacional, que toda a gente já dava como morto. O Estoril vai querer reagir a essa derrota e está numa situação em que tem de fazer pela vida", salientou, antes de confirmar as ausências de Gonçalo Silva e Rosell, que continuam lesionados.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon