Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Rússia "extremamente preocupada" após lançamento de míssil da Coreia do Norte

Logótipo de O Jogo O Jogo 29/08/2017 Administrator

A Rússia declarou hoje estar "extremamente preocupada" com a situação na península coreana, constantando uma "tendência para uma escalada" da tensão, depois de Pyongyang ter disparado um míssil que sobrevoou o Japão.

"Nós vemos uma tendência para uma escalada (...) e estamos extremamente preocupados com o desenvolvimento geral" da situação na península, declarou o vice-ministro dos Negócios Estrangeiros russo, Serguei Riabkov, citado pela agência noticiosa estatal RIA Novosti.

O Conselho de Segurança das Nações Unidas vai realizar, esta tarde, uma reunião de emergência em Nova Iorque, a pedido de Tóquio e de Washington, na sequência do lançamento de um míssil da Coreia do Norte que, pela primeira vez desde 2009, sobrevoou o Japão.

O míssil disparado esta manhã, pelas 06:30 (23:00 de segunda-feira em Lisboa), a partir das proximidades de Pyongyang, caiu a cerca de 1.180 quilómetros do cabo de Erimo, na ilha de Hokkaido, após percorrer mais de 2.700 quilómetros e alcançar cerca de 550 quilómetros de altura antes de cair no mar, de acordo com informações do Executivo japonês.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon