Ao utilizar este serviço e o conteúdo relacionado, concorda com a utilização de cookies para análise, anúncios e conteúdos personalizados.
Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Rali de Portugal: Pedro Meireles vence e assume liderança do Nacional

Logótipo de LusaLusa 20/05/2017 Gil Peres

Matosinhos, Porto, 20 mai (Lusa) - Pedro Meireles é o novo líder do Nacional de ralis, depois da vitória no Rali de Portugal, que para as contas do campeonato português terminou hoje em Amarante.

O piloto de Guimarães, em dupla com Mário Castro, levou o Skoda Fabia R5 à vitória no Rali de Portugal, no ano em que a prova voltou a pontuar para o Campeonato Nacional, para o qual contavam apenas as 12 primeiras provas especiais de classificação.

HUGO DELGADO/LUSA © LUSA / HUGO DELGADO HUGO DELGADO/LUSA

O piloto de Guimarães, campeão em 2014, consegue a sua segunda vitória da temporada, depois de ter ganhado na abertura do campeonato, em Fafe, e de um segundo lugar no Rali dos Açores, ficando em branco em Castelo Branco e no Rali de Espinho.

A vitória começou a ser desenhada bem cedo, depois do acidente de José Pedro Fontes (Citroen DS3 R5), que chegou a esta prova na frente do campeonato e que foi hospitalizado na sexta-feira, e também de Miguel Barbosa (Skoda Fabia R5), com quem teve uma luta animada igualmente na sexta.

Com os 25 pontos somados, e a bonificação por vitórias em classificativas, Pedro Meireles assume a liderança do campeonato, mas vai ter de abdicar da participação do Rali da Madeira, cumprindo o regulamento que obriga os pilotos a não competirem em uma das três provas internacionais do calendário.

Na classificação para o Nacional de ralis, Joaquim Alves (Ford Fiesta R5), na sua estreia no Rali de Portugal, terminou no segundo lugar, com Pedro Antunes (Peugeot 208 R2) a fechar o pódio, e a vencr na classe de duas rodas motrizes.

Após o Rali de Portugal, José Pedro Fontes é agora segundo, João Barros, que abdicou desta prova, desce para terceiro, Carlos Vieira, que também optou por ficar de fora, no quarto lugar, logo seguido de Miguel Barbosa, a fechar o ‘top-5’.

O Campeonato Nacional de Ralis regressa agora dias 9 e 10 de junho, com o Rali Vidreiro, no regresso da competição às provas em asfalto.

Na geral do Rali de Portugal, sexta prova do campeonato do Mundo, Miguel Campos (Skoda Fabia R5) era o melhor português após a secção da manhã de hoje, ocupando ao 20.º lugar, mas não está inscrito no Nacional. Pedro Meireles estava em o 24.º.

GYP // PA

AdChoices
AdChoices
image beaconimage beaconimage beacon