Ao utilizar este serviço e o conteúdo relacionado, concorda com a utilização de cookies para análise, anúncios e conteúdos personalizados.
Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Raphael Guerreiro tem contusão no pé esquerdo, fratura não é de agora

Logótipo de O Jogo O Jogo 22/06/2017 Hugo M. Monteiro
© REUTERS/Darren Staples

O lateral-esquerdo foi submetido a exames médicos esta quinta-feira de manhã, e, nas redes sociais, confirmou a existência de uma fratura... antiga.

O internacional português Raphael Guerreiro sofreu "uma contusão no pé esquerdo e já está em fase de recuperação", indicou esta quinta-feira fonte oficial da Federação Portuguesa de Futebol (FPF), depois de o jogador, nas redes sociais, ter confirmado a existência de uma fratura que não é de agora.

Na quarta-feira, o lateral-esquerdo do Borussia Dortmund teve de ser substituído por Eliseu no jogo frente à Rússia, da segunda jornada do grupo A da Taça das Confederações, que Portugal venceu por 1-0, com um golo de Cristiano Ronaldo, e no momento suspeitou-se de uma fratura.

"Por haver suspeita de fratura, Guerreiro foi submetido a exames num hospital em Moscovo. Analisados os exames, não foi detetada qualquer fratura na zona afetada [pé esquerdo]", explicou ainda a FPF.

Já o jogador publicou uma mensagem na sua conta do Instagram, entretanto apagada: "Obrigado a todos pelas mensagens de apoio. Tenho uma fratura, mas não é de agora, não tenho dores a este nível, felizmente não tenho mais fratura nenhuma, onde sinto as dores. Por enquanto não posso pôr o pé no chão, nem mexê-lo... Mas continuo aqui para apoiar os meus companheiros da Seleção para o resto da competição".

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon