Ao utilizar este serviço e o conteúdo relacionado, concorda com a utilização de cookies para análise, anúncios e conteúdos personalizados.
Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Real Madrid goleia sem Ronaldo e continua em igualdade com o FC Barcelona

Logótipo de LusaLusa 26/04/2017 Luís Garoupa
KIKO HUESCA/EFE © EPA / KIKO HUESCA KIKO HUESCA/EFE

Redação, 26 abr (Lusa) – O Real Madrid, sem Cristiano Ronaldo, foi hoje ao campo do Deportivo da Corunha vencer por 6-2 e manteve-se na liderança do campeonato espanhol de futebol em igualdade com o FC Barcelona, na 34.ª jornada.

Sem o avançado português e também com Benzema e Bale ausentes, a grande figural dos ‘merengues’ acabou por ser o colombiano James Rodriguez, ex-FC Porto, que marcou dois golos, aos 14 e 66 minutos.

Morata abriu a contagem logo no primeiro minuto e ainda na primeira parte Lucas Vásquez também marcou, aos 44. Na segunda parte, Isco, aos 77, e o brasileiro Casemiro (igualmente ex-FC Porto), aos 87, consumaram a goleada.

Para o Deportivo da Corunha, que contou com Luisinho a tempo inteiro, marcaram Andone, aos 35 minutos, e Joselu, aos 84.

Com este resultado, o Real Madrid passou a somar 78 pontos, os mesmos do FC Barcelona, embora tenha um jogo a menos.

Antes, o FC Barcelona goleou o ‘lanterna-vermelha’ Osasuna, por 7-1, num encontro que André Gomes fez dois golos e que confirmou a descida de divisão dos forasteiros.

O médio internacional português marcou aos 30 e 57 minutos e foi um dos três jogadores dos catalães a bisar em Camp Nou, juntamente com o argentino Lionel Messi, que marcou aos 12 e 61, e Paco Alcacer, que ‘faturou’ aos 64 e 86.

O jogo ficou também marcado pelo primeiro golo de sempre do argentino Javier Mascherano com a camisola do FC Barcelona. O médio, que cumpre a sua sétima temporada nos catalães, converteu uma grande penalidade aos 67 minutos, numa altura em que Messi já não estava em campo.

Numa partida em que o brasileiro Neymar, castigado, e o uruguaio Suarez, poupado, estiveram ausentes no FC Barcelona, Torres marcou aos 48 minutos para o Osasuna, que uma hora depois viu confirmada a despromoção ao segundo escalão espanhol, devido ao triunfo caseiro do Leganés sobre o Las Palmas (Hélder Lopes foi titular), por 3-0.

O brasileiro Luciano, com um ‘bis’, e Guerrero fizeram os golos do Leganés, que se colocou seis pontos acima da zona de descida e deixou em ‘maus lençóis’ Sporting Gijon (está a seis da salvação) e Granada (ficou a 10).

No Mestalla, um golo de Nani, na marcação de uma grande penalidade aos 68 minutos, de nada valeu ao Valência que foi derrotado pela Real Sociedad, por 3-2.

Os forasteiros chegaram a ter três golos de vantagem, alcançados por Willian José, Oyarzabal e o guarda-redes Diego Alves, na própria baliza, mas a equipa ‘che’ ainda lutou pelo empate e, além do tento de Nani, Zaza também marcou, aos 72 minutos, num lance com assistência de João Cancelo.

A Real Sociedad subiu provisoriamente ao sexto lugar, que dá acesso às competições europeias, com mais dois pontos que o Athletic Bilbau, que na quinta-feira recebe o Bétis.

LG // NFO

AdChoices
AdChoices
image beaconimage beaconimage beacon