Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Ricardo Porém campeão nacional de todo o terreno

Logótipo de LusaLusa 28/10/2017 Nuno Ortega
NUNO VEIGA/LUSA © LUSA / NUNO VEIGA NUNO VEIGA/LUSA

Portalegre, 28 out (Lusa) - Ricardo Porém (Ford Ranger) sagrou-se hoje campeão português de todo o terreno, ao vencer a Baja de Portalegre, com Ricardo Maio (Yamaha) a somar o terceiro título nas motos.

Porém conquistou pela quarta vez consecutiva a Baja de Portalegre, ao gastar menos 5.44 minutos do que o brasileiro Guilherme Spinelli (Mini) e 17.07 do que o chileno Boris Garafulic (Mini).

“Estou muito satisfeito com este resultado, claro. Ganhámos pela terceira vez esta época e confirmámos a conquista do Campeonato, numa prova com a dificuldade e prestígio internacional que a Baja Portalegre tem”, afirmou Porém, à sua assessoria de imprensa.

Nas motos, para somar o seu terceiro título, António Maio venceu pela sexta vez a prova, com 4.14 minutos de avanço sobre Luís Oliveira (Honda) e 11.41 sobre Mário Patrão (KTM).

Roberto Borrego (Yamaha) somou novo título nacional nas quads, ao vencer claramente a Baja Portalegre, terminando com 17.23 minutos de avanço sobre Filipe Fernandes (Kawasaki) e 21.18 sobre Vítor Caeiro (Yamaha).

Apesar do terceiro lugar em Portalegre, Bruno Martins (Can-am) sagrou-se campeão nos SSV.

Rúben Faria (Can-am) foi o vencedor da Baja Portalegre nos ‘buggies’, com 2.36 minutos de avanço sobre o francês Stéphane Peterhansel (Yamaha), múltiplo campeão do Dakar em motos e carros, e 7.35 sobre Bruno Martins.

NFO // NFO

AdChoices
AdChoices
image beaconimage beaconimage beacon