Ao utilizar este serviço e o conteúdo relacionado, concorda com a utilização de cookies para análise, anúncios e conteúdos personalizados.
Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Richie Porte abandona Tour após queda aparatosa na última grande descida

Logótipo de LusaLusa 09/07/2017 Nuno Ferrão
GUILLAUME HORCAJUELO/EPA © EPA / GUILLAUME HORCAJUELO GUILLAUME HORCAJUELO/EPA

Chambéry, França, 09 jul (Lusa) – O ciclista australiano Richie Porte (BMC), um dos maiores adversários do britânico Chris Froome (Sky) na luta pela vitória na Volta a França, abandonou hoje o Tour, após sofrer uma queda aparatosa.

Porte caiu na descida do Mont du Chat, a última das três grandes subidas na tirada de hoje, pouco antes da entrada para os últimos 20 quilómetros da tirada, sendo prontamente assistido depois pelas equipas médicas.

O australiano, quinto classificado no Tour de 2016, venceu este ano a Volta a Romandia e foi segundo classificado no Dauphiné.

Esta é o segundo abandono de vulto na nona etapa da prova francesa, depois da desistência do galês Gerains Thomas, principal ‘escudeiro’ de Chris Froome.

Thomas sofreu uma queda na descida do col de la Biche, outro dos três ‘topos’ que marcam a nona etapa, que liga Nantua a Chambéry, em 181,5 quilómetros.

O vencedor do contrarrelógio de Dusseldorf, Alemanha, no arranque do 104.º Tour, pode ter fraturado uma clavícula na queda, provocada pelo piso molhado, devido à chuva.

NF/AMG // NF

AdChoices
AdChoices
image beaconimage beaconimage beacon