Ao utilizar este serviço e o conteúdo relacionado, concorda com a utilização de cookies para análise, anúncios e conteúdos personalizados.
Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Roland Garros recusa "wild card" a Maria Sharapova

Logótipo de O Jogo O Jogo 16/05/2017 João Cardoso

A tenista russa vai falhar o torneio de Roland Garros, que venceu por duas vezes, já que a organização do Grand Slam francês decidiu não lhe atribuir um "wild card".

A russa de 30 anos, que triunfou na prova de terra batida em 2012 e 2014, está fora do 'top 200', pelo que nem sequer consegue ir à qualificação.

Após o seu regresso de um castigo de 15 meses devido a doping, Sharapova já disputou três torneios, todos graças a convite.

O anúncio da recusa foi feito pelo presidente da federação francesa de ténis, Bernard Giudicelli, que revelou ter comunicado a decisão pessoalmente à atleta.

Roland Garros principia a 28 de maio e também não vai contar com o suíço Roger Federer, que optou por preparar a época para relva e piso sintético, prescindindo da única competição em terra batida que estaria nos seus planos.

O termo "wild card", recorde-se, é utilizado no ténis para definir a participação de um atleta num torneio, mesmo quando a classificação do mesmo, por si só, não é suficiente.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon