Ao utilizar este serviço e o conteúdo relacionado, concorda com a utilização de cookies para análise, anúncios e conteúdos personalizados.
Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Rui Pedro: o melhor momento, o grande sentimento e o que lhe disse Felipe

Logótipo de O Jogo O Jogo 24/03/2017 Hugo Monteiro
© Fábio Poço/Global Imagens

Estreia pela equipa principal foi o momento mais alto. Mas aquele tiro a bater Marafona...

A semana de 28 de novembro a 4 de dezembro de 2016 foi de emoções fortes para Rui Pedro. Chamado por Nuno Espírito Santo para treinar, o avançado não só cumpriu o sonho de se estrear pela equipa principal (29 de novembro), como o de marcar (3 de dezembro). E logo no Estádio do Dragão. "Acho que o momento mais alto da época foi, sem dúvida, a estreia pelo FC Porto [Belenenses]. Mas o golo com o Braga foi o melhor sentimento que já tive. Foi a melhor coisa que me podia ter acontecido", confessou a O JOGO o "Falcao de Pedorido".

Aquele remate por cima de Marafona, já no período de descontos do jogo, colocou um ponto final na pior fase da temporada para o FC Porto e mereceu elogios a Rui Pedro de vários jogadores aos quais já pode chamar de companheiros. Marcano e Felipe foram apenas dois deles. "Só tenho de agradecer a força que eles me deram antes e depois do jogo", garantiu-nos o ponta de lança, que pela equipa principal marcou também ao Rio Ave. "Nunca me desviaram o foco de que posso ser muito mais no futebol; que isto é só o início", acrescentou, contando ainda que Felipe lhe lembrou que "quem trabalha sai sempre recompensado".

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon