Ao utilizar este serviço e o conteúdo relacionado, concorda com a utilização de cookies para análise, anúncios e conteúdos personalizados.
Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Rui Vitória rejeita favoritismo mas quer vencer Moreirense e chegar à final

Logótipo de LusaLusa 25/01/2017 António Oliveira
MARIO CRUZ/LUSA © EPA / MARIO CRUZ MARIO CRUZ/LUSA

Seixal, Setúbal, 25 jan (Lusa) - O treinador do Benfica recusou hoje que o clube da Luz seja favorito na Taça da Liga em futebol, referindo que primeiro é preciso ganhar ao Moreirense e provar em campo que a sua equipa é melhor.

"É um jogo que dá acesso a uma final e vamos com muita vontade e com muita determinação, porque queremos lá chegar, mas, para isso, temos que derrotar o Moreirense. É uma boa equipa e que também quer muito chegar à final. Quem aqui chega já passou por fases difíceis e estão a um jogo da final, por isso a motivação é enorme", disse Rui Vitória na conferência de imprensa de antevisão ao jogo de quinta-feira.

Rui Vitória, que recusou comentar a sua possível renovação de contrato, afirmou que o Benfica deve mostrar em campo que é superior aos seus adversários.

"O Benfica tem uma grandeza enorme, mas o favoritismo a mim não me diz nada, tem é que ser provado dentro do campo. Vão estar quatro equipas que passaram em grupos complicados e que estão a um jogo da final. A motivação é enorme em todas as equipas e o favoritismo tem que ser provado", defendeu.

O treinador do Benfica referiu que espera uma meia-final difícil frente ao Moreirense, insistindo que o adversário está motivado e que vai fazer tudo para vencer.

Para o jogo de quinta-feira, o técnico afirmou que não deve contar com o lesionado Mitroglou, explicando que ainda vai decidir se o avançado vai ser convocado, enquanto Jiménez estará de regresso às opções.

"Primeiro temos que pensar no Moreirense e, se vencermos, logo pensamos na final, mas queremos conquistar troféus e queremos estar nas decisões. Olhamos para todas as competições como uma oportunidade de ganhar troféus e não faço divisão sobre competições mais importantes", disse.

Em relação às renovações dos contratos de Pizzi e Ederson, Rui Vitória frisou que é importante que todos no clube sintam estabilidade.

"Todos trabalhamos melhor quando as coisas estão estáveis e o Benfica transmite segurança e tranquilidade. Saiu o Gonçalo Guedes e não é por isso que existe qualquer drama. É importante que todos sintam que trabalham com organização e planeamento, e os jogadores gostam disso, de sentir que quem comanda este grande navio sabe o que tem a fazer e o rumo a dar", concluiu.

A partida entre Moreirense e Benfica, marcada para as 20:45, no estádio do Algarve, será arbitrada por Tiago Martins, da Associação de Futebol de Lisboa.

AYL // NF

AdChoices
AdChoices
image beaconimage beaconimage beacon