Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Síria: Combates fazem 19 mortos do exército e oito 'jihadistas'

Logótipo de O Jogo O Jogo 24/08/2017 Administrator

Pelo menos 19 militares do exército sírio e oito do grupo extremista Estado Islâmico morreram hoje em combates no centro da Síria, entre as províncias de Hama e Homs, informou hoje o Observatório Sírio de Direitos Humanos.

A organização não-governamental explicou que as forças leais ao regime do Presidente sírio, Bashar al-Assad, e os seus aliados sírios e estrangeiros tomaram o controlo total da aldeia de Yana al-Albaui, a nordeste da cidade de Al-Salamiya, em Hama, poucos dias depois de ter dominado três ladeiras nos arredores dessa cidade.

A mesma fonte acrescentou que as tropas de Damasco continuam a atacar com artilharia, morteiros e mísseis -- que se crê serem de tipo terra-terra -- zonas dominadas pelos 'jihadistas' do grupo Estado Islâmico (EI) nessa região.

Os ataques visam expulsar o EI da zona e centram-se em torno de Yana al-Albaui e Al-Sheikh Helal, precisou o Observatório.

Há semanas que o exército sírio e os seus aliados realizam uma ofensiva contra o EI em alguns pontos de Hama, de Homs e no sul da província de Al-Raqa, onde ganharam terreno aos radicais.

Na semana passada, as tropas governamentais conseguiram pela primeira vez cercar os combatentes do EI na região desértica situada entre os limites provinciais de Hama e Homs, numa área de 3.000 quilómetros quadrados onde há cerca de 50 aldeias habitadas e poços de petróleo e gás.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon