Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Shanghai SIPG, de Villas-Boas, na final da Taça da China após golear Guangzhou Evergrande

Logótipo de LusaLusa 30/09/2017 João Pedro Simões
KIYOSHI OTA/EPA © EPA / KIYOSHI OTA KIYOSHI OTA/EPA

Guangzhou, China, 30 set (Lusa) – O Shanghai SIPG, treinado pelo português André Villas-Boas, qualificou-se hoje para a final da Taça da China de futebol, após golear por 4-1 o Guangzhou Evergrande, de Luiz Felipe Scolari, na segunda mão das meias-finais.

Depois do triunfo caseiro, por 2-1, em agosto, o Shanghai SIPG assegurou a primeira presença na final da taça chinesa, ao golear o detentor do troféu, após ter estado a perder por 1-0, com um golo de Lin Gao, aos 11 minutos.

O antigo futebolista do FC Porto Hulk empatou, aos 32, antes de Lisheng Liao ter sido expulso e deixado o Guangzhou Evergrande em inferioridade numérica. A reviravolta foi consumada por Shihao Wei, aos 45, e por Óscar, aos 78 e 81.

Depois de ter eliminado o Guangzhou Evergrande, seis vezes campeão chinês e líder do campeonato, com quatro pontos de vantagem sobre a formação de Villas-Boas, a quatro jornadas do fim, o Shanghai SIPG vai defrontar na final da Taça o Shanghai Shenhua, que já conquistou o troféu em 1998.

JP // JP

AdChoices
AdChoices
image beaconimage beaconimage beacon