Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Somague pede reunião ao Governo por dívida do túnel do Marão - Sindicato

Logótipo de O Jogo O Jogo 07/09/2017 Administrator

A Somague vai solicitar uma reunião ao ministro do Trabalho para discutir a dívida de 150 milhões de euros do Estado, relacionada com o túnel do Marão, no sentido de assegurar postos de trabalho na construtora, anunciou fonte sindical.

Segundo Albano Ribeiro, do Sindicato da Construção de Portugal, "o Estado deve 150 milhões de euros" à Somague, da obra do túnel do Marão, e a administração da empresa, por proposta do sindicato, vai solicitar com "caráter de urgência" uma reunião ao ministro do Trabalho.

"Estes trabalhadores e trabalhadoras merecem mais respeito, porque é um capital humano muito qualificado, e a administração deve respeitá-los", afirmou o dirigente sindical da CGTP-IN, após um plenário nas instalações da Somague Engenharia, no Linhó, concelho de Sintra.

O sindicato e a comissão sindical reuniram-se com a administração da Somague para discutir a situação de cerca de 700 postos de trabalho em perigo na empresa, que tem pago os salários em prestações e cortou regalias, como seguros de vida e de saúde.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon